It’s Experience Time!

Gosto de aproveitar este espaço no Conceituando.blog para me desprender da linguagem do release, da terceira pessoa e me reencontrar com a palavra na nossa melhor versão: a de companheiras. As palavras sempre me acompanharam. Dizem ser genética. É possível.

Mas distante do tradicional lead, peço a licença para compartilhar um pouco do que vivi no último final de semana. Após uma semana intensa de trabalho, que culminou com um lindo evento no Parque Prefeito Luiz Roberto Jábali, o Curupira de Ribeirão Preto, que está em um amplo processo de revitalização, calcei as ventanas e bati em retirada para a capital do Estado. O destino? Assistir ao antepenúltimo show da dupla Sandy e Junior.

#MeJulguem

Era para ser um momento de lazer e cabeça vazia. Um momento de aproveitar o agora e simplesmente relembrar de histórias da infância e da adolescência trilhadas pela dupla. Mas como a RP que vive em mim não me abandona, foi impossível me desconectar da aula de comunicação, relações públicas e marketing que as cinco horas no Allianz proporcionaram.

A turnê Nossa História não é simplesmente uma turnê. Não é apenas uma sequência de músicas que despertam a criança interior. Não é simplesmente uma sequência de shows para divulgação de um álbum recém-lançado.

A turnê Nossa História mexe com os sentidos, com as lembranças e com o imaginário. Incita desejo de consumo muito antes de chegar o dia do show em si. Quem não quis ter um cartão Elo para ter a oportunidade de comprar o ingresso, que se esgotou rapidamente?

Ao chegar à Arena do Allianz, me deparei com um lindo T-Cross, da VW. Ponto para a equipe de mkt e branding da montadora, que fez o lançamento do veículo com um pocket show da dupla há alguns meses e segue exibindo o veículo nas apresentações. O público de S&J está na faixa dos 30+, mais ou menos a mesma faixa etária da dupla, que tem 36 e 34 anos respectivamente, e que é o mesmo público do veículo lançado pela marca.

Ao entrar no estádio, somos recepcionados por artes das quatro estações, oferecidas pela Elo. Parece bobo ter encartes das quatro estações impressas, mas são armas incríveis contra o calor (gratidão, Elo, pela forcinha contra os mais de 30 graus do último sábado) da primavera e, de quebra, causam um efeito lindo na foto durante a apresentação.

E as ações visuais e sinestésicas não param por aí. Um delicioso e sutil cheirinho invade a arena e você descobre que o aroma vem dos balões em formato de coração estampados com o hit “Turu Turu”, patrocinado pela Natura para promover as novas fragrâncias de seu perfume Hu

WhatsApp Image 2019-10-13 at 17.51.26

mor. Além do cheirinho, foi lindo de ver quando os fãs acenderam as lanternas de seus celulares atrás das bexigas e iluminaram o estádio com os balões acesos.

Quando você acha que mais nada está para acontecer e que o show está chegando

WhatsApp Image 2019-10-13 at 17.51.59

(infelizmente) ao fim, Elo solta enormes bolas infláveis quando a dupla começa a cantar “Vamo Pulá”. Uma deliciosa brincadeira, uma energia que contagia e que, mais uma vez, gera registros incríveis e muita fixação de marca na mente dos fãs… que assim como eu, serão sempre gratos por revisitar essa história!

 

Investimento em experiência é resultado na certa. Talvez nem todas as pessoas percebam e encarem as ações com o mesmo olhar que tive, mas sem dúvida, elas se lembrarão para sempre destes momentos.

 

 

 Marcela Barbin é Relações Públicas, sócia da Conceito Comunicação e fã declarada da dupla Sandy&Junior. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: